Dicas de Manutenção Preventiva de Autoclaves

//Dicas de Manutenção Preventiva de Autoclaves

Dicas de Manutenção Preventiva de Autoclaves

As rotinas de manutenção preventiva de autoclaves são parte significativa das atividades da equipe de manutenção. A detecção e a identificação de pequenos defeitos auxiliam, e muito, na prevenção das paradas inesperadas.

Seguindo essas dicas simples, é possível ainda ganhar em performance e reduzir custos com a preservação dos ativos.

Uma vez por semana

  • Verifique o filtro de entrada de ar para ver se está encaixado e firme.
  • Esvazie e limpe o gerador de vapor de depósitos e incrustações:

– Desligue a autoclave e feche a alimentação de água ou vapor de rede;

– Espere que o medidor de pressão caia para aproximadamente 0,1 bar(e) / 10 kPa(e);

– Onde aplicável, retire a tampa de segurança que impede a abertura acidental da válvula de escoamento do gerador de vapor;

– Abra lentamente a válvula de escoamento. O gerador de vapor deve ser esvaziado por completo;

– Quando o esvaziamento se concluir, feche as válvulas e reinicie qualquer dispositivo que proteja contra a abertura acidental;

– Onde aplicável, abra novamente a alimentação de vapor;

– Ligue a autoclave e reconheça o alarme;

– Prossiga e enchendo gerador com água;

– Teste a operação da proteção contra a ebulição a seco.

Mensalmente

  • Verifique se o movimento de fechamento da porta pode ser interrompido empurrando suavemente a placa de proteção na direção anti movimento da porta.

Trimestralmente 

  • Verifique o selo de vedação da porta. Se necessário, lubrifique ou substitua o selo. Lembre-se que condições de funcionamento especiais podem requerer intervalos mais curtos ou mais longos de verificação.
  • Execute um teste de estanqueidade, através do ciclo Leak Test.

Semestralmente 

  • Limpe todos os filtros e retentores.
  • Execute um teste de estanqueidade, através do ciclo Leak Test.
  • Limpe todas os purgadores. Retire a sujeira depositada no fundo e nas bóias.
  • Verifique se a tubulação da instalação da unidade está estanque.
  • Vede todas as fugas. Substitua qualquer junta com escoamento.
  • Verifique se todos os parafusos da ligação elétrica nos cabos de energia, terra e neutro estão apertados.
  • Limpe o filtro de admissão na entrada da válvula do flutuador.
  • Limpe o filtro de admissão na entrada da válvula da água de arrefecimento.
  • Execute as seguintes rotinas para a porta:

– Verifique a ação da porta;

– Verifique a posição da porta, verticalmente, lateralmente e para trás/para a frente;

– Verificação a operação do selo de vedação e seu encaixe;

– Lubrifique ou substitua o selo da porta se necessário;

  • Verifique os selos em todas as válvulas de segurança. Se o selo não estiver intacto, a válvula tem que ser substituída.
  • Verifique se em alguma das válvulas de segurança está escorrendo água ou vapor.
  • Verifique a estanqueidade das resistências e fixações do elétrodo de controle de nível.
  • Verifique se os parafusos terminais nas resistências estão apertados.
  • Verifique se a pressão no gerador de vapor está regulada entre os limites referidos no esquema elétrico.
  • Verifique, acionando o interruptor, se os contatores de segurança se ligam e desligam.
  • Verifique a operação do painel de operação, todos os LEDs e a impressora, caso exista.

Anualmente 

  • Os sensores de temperatura e pressão ligados ao sistema de controle devem ser verificados com precisão documentada, rastreável a um padrão nacional. O erro de medição da temperatura não deve exceder 0,5 °C e o da pressão não deve exceder ±8 mbar / ±0.8 kPa / ±0.115 psi dentro de um intervalo 0-1 bar(a) / 0-100 kPa(a).
  • Verifique e ajuste o nível de água no tanque de alimentação de água de forma que esteja aproximadamente 12 mm abaixo do transbordamento.
  • Verifique se a entrada e a água de retorno não provocam bolhas na alimentação de água. A formação de bolhas oxigena a alimentação de água, aumentando a quantidade de gases não condensáveis no vapor produzido.
  • Verifique e ajuste a quantidade de água de estanqueidade para a bomba de vácuo e, onde aplicável, a sua proteção contra cavitação.
2018-11-29T14:41:52+00:00